Skip to main content

O DOENTE

Estava num quarto. Havia outras pessoas lá também. Eu segurava algo na mão e, ficava mexendo nisto o tempo todo. Havia uma pessoa na cama deste quarto, que estava doente. As pessoas ali tentavam ajudá-la. Esta pessoa que estava doente, respirava com dificuldades e se debatia muito. Então eu disse para aquelas pessoas ali que não adiantava nada, porque não iriam conseguir salvar a vida daquela pessoa.

Comments

Most visited posts

CORRENDO VELOZMENTE DO BICHO ESTRANHO

A JANELA DE VIDRO

FIM DE SEMANA NO SÍTIO

TROCANDO A FRALDA DA CRIANÇA

DE JOELHOS NO CHÃO

SUBINDO O MORRO

ATRAVESSANDO OS FILHOTES DE CACHORRO

A CHUVA. OS CEM REAIS E A GOSTOSA DA JAQUELINE

REBOCANDO A PAREDE

BUEIRO ENTUPIDO