Skip to main content

ANDANDO NA RUA ESBURACADA

Estava na rua da casa da minha mãe. Era noite. A rua estava sendo reformada. Não havia asfalto. Eram muitos buracos e muita terra por todo lado, que ia da casa da minha mãe ate a linha da rede ferroviária. Eu andava por entre estes montes de terra. Perto da linha havia um homem num trator. Ele estava pendurado no trator e começou a me xingar por estar andando ali.

Comments

Most visited posts

CORRENDO VELOZMENTE DO BICHO ESTRANHO

A JANELA DE VIDRO

FIM DE SEMANA NO SÍTIO

TROCANDO A FRALDA DA CRIANÇA

DE JOELHOS NO CHÃO

SUBINDO O MORRO

ATRAVESSANDO OS FILHOTES DE CACHORRO

A CHUVA. OS CEM REAIS E A GOSTOSA DA JAQUELINE

REBOCANDO A PAREDE

BUEIRO ENTUPIDO