Sunday, February 10

DIRIGINDO DE OLHOS FECHADOS

Sai de um local e entrei em um carro. No momento em que sai dirigindo, não conseguia abrir os olhos. Estava com muito sono. Na saída passei por cima de uma divisão que tinha no meio da rua. O carro saiu em disparada. Eu pisei no freio, para evitar bater o carro. O carro saia derrapando, mas não parava. Eu fazia força para abrir os olhos, mas não conseguia de jeito nenhum. Eu cansava, tirava o pé do freio. Depois pisava novamente. Mas o carro não parava. Fiz isto quatro vezes. Por mais que eu tentasse, meus olhos não abriam, de tanto sono. Depois com muito esforço, abri um pouco os olhos e vi uma oficina aberta. Virei o carro, pisando no freio e entrei nesta oficina. Puxei o freio de mão e o carro parou. Fiquei pensando da sorte de não ter batido em ninguém.

No comments:

Post a Comment

VIVER EH A MAIOR DE TODAS AS AVENTURAS