Skip to main content

DE REPENTE EU ESTAVA ANDANDO A CAVALO.


Estava num sítio. O dono do sítio insistiu que eu deveria andar a cavalo, mas eu não queria de jeito nenhum. De repente eu estava andando a cavalo. Ele saiu em disparada e não queria parar de jeito nenhum. Ele corria por uma estradinha e quando chegou numa porteira, ele parou de repente e eu fui jogado para o outro lado da porteira. Quando cai no chão, eu estava numa rua da cidade.

Comments

Most visited posts

CORRENDO VELOZMENTE DO BICHO ESTRANHO

A JANELA DE VIDRO

FIM DE SEMANA NO SÍTIO

TROCANDO A FRALDA DA CRIANÇA

DE JOELHOS NO CHÃO

SUBINDO O MORRO

ATRAVESSANDO OS FILHOTES DE CACHORRO

A CHUVA. OS CEM REAIS E A GOSTOSA DA JAQUELINE

REBOCANDO A PAREDE

BUEIRO ENTUPIDO