Skip to main content

A LUZ DA MANHÃ

Estava andando por uma rua, e vinham por esta rua, várias motos enfileiradas, andando bem devagar. Elas começaram a passar por mim e o sol batia no espelho retrovisor e refletia bem em meus olhos. Assim que uma passava vinha a outra e acontecia a mesma coisa. Já não conseguia abrir os olhos e então fiquei parado. Mas as motos continuavam vindo e o sol refletido no retrovisor continuava em meus olhos.

Comments

Most visited posts

CORRENDO VELOZMENTE DO BICHO ESTRANHO

A JANELA DE VIDRO

FIM DE SEMANA NO SÍTIO

TROCANDO A FRALDA DA CRIANÇA

DE JOELHOS NO CHÃO

SUBINDO O MORRO

ATRAVESSANDO OS FILHOTES DE CACHORRO

A CHUVA. OS CEM REAIS E A GOSTOSA DA JAQUELINE

REBOCANDO A PAREDE

BUEIRO ENTUPIDO