Tuesday, July 19

SONHANDO NO ONIBUS, COM AS DIVIDAS A PAGAR


Estava dentro de um ônibus, cujos bancos, não tinham encosto. Estava carregando uma imensa sacola, que estava entre meus pés. Ao meu lado tinha um homem sentado e do outro lado, na outra fileira de acento, estava uma mulher. Havia outras pessoas ali. Este ônibus seguia por uma estrada com uma curva muito grande que elevava ao alto de um morro, onde ficava a cidade. De onde eu estava, podia ver a cidade no alto morro, onde a gente iria parar. Eu já tinha feito aquele trajeto outras vezes. Não sei por que e nem aonde ia, mas sempre voltava naquele ônibus. Nisto a pessoa que estava ao meu lado, leu dentro da minha sacola, num bolso da camisa que estava bem em cima da sacola, o nome da firma que eu trabalhava. Então ele disse que estava precisando dos meus serviços, mas tinha ficado sabendo que eu não estava mais trabalhando. Disse a ele que tinha parado por três meses, mas já estava de volta ao trabalho, que era só ele ligar para a firma, que eu iria lá fazer o serviço. Nisto olhei pela janela e vi a estrada, fazendo a longa curva, subindo em direção a cidade que eu queria ir. O ônibus então me sacolejou e acordei. Então percebi que estava dormindo. Fiquei meio assustado com o sonho. Então ao ver a cidade que fica no topo do morro chegando, fui imaginando que deveria pagar um dos três empréstimos que tinha feito ali. Que o mais barato deveria ficar em torno de mil reais. Estava indo naquela cidade, justamente para tentar liquidar um dos empréstimos, porque as prestações estavam altas demais.

No comments:

Post a Comment

VIVER EH A MAIOR DE TODAS AS AVENTURAS