Skip to main content

CASINHA NO MEIO DO MATO

Estava num local, dentro de um ônibus. O motorista era uma mulher. Havia só nos dois no ônibus. Ela tentou virar o ônibus numa rotatória, mas não conseguiu e o ônibus quase subiu no passeio. Nisto vimos uma estradinha de terra e então dissemos que tínhamos que ir por ali. Nós tínhamos que ir a um local, aonde há muito tempo já não íamos. Parece que era um local onde a gente tinha passado a infância. Chegando neste local, que era uma casa no meio do mato, fiquei desconfiado que alguém estivesse lá dentro. Esta mulher que era motorista, já não era mulher e sim um homem. Quando ele foi entrar na casa, alguém abriu a porta e perguntou o que a gente fazia ali. Tinha uma família morando lá. Então achei melhor a gente ir embora, para não criar confusão.
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Comments

Most visited posts

CORRENDO VELOZMENTE DO BICHO ESTRANHO

A JANELA DE VIDRO

FIM DE SEMANA NO SÍTIO

TROCANDO A FRALDA DA CRIANÇA

DE JOELHOS NO CHÃO

SUBINDO O MORRO

ATRAVESSANDO OS FILHOTES DE CACHORRO

A CHUVA. OS CEM REAIS E A GOSTOSA DA JAQUELINE

REBOCANDO A PAREDE

BUEIRO ENTUPIDO