Skip to main content

CORRENDO COM A VELA ACESA

Estava em uma rua, que não sei onde era. Corria com uma vela acesa na mão. Não via ninguém na rua, ia apenas eu. O sol brilhava forte no meu rosto e mesmo estando correndo, a vela não apagava. Nisto cheguei num local onde eu deveria acender um fogo. Vi uma churrasqueira, sem ninguém por perto. Joguei a vela dentro da churrasqueira e pegou fogo na madeira que tinha lá dentro. Então sai procurando a carne para assar naquela churrasqueira.

Comments

Most visited posts

CORRENDO VELOZMENTE DO BICHO ESTRANHO

A JANELA DE VIDRO

FIM DE SEMANA NO SÍTIO

TROCANDO A FRALDA DA CRIANÇA

DE JOELHOS NO CHÃO

SUBINDO O MORRO

ATRAVESSANDO OS FILHOTES DE CACHORRO

A CHUVA. OS CEM REAIS E A GOSTOSA DA JAQUELINE

REBOCANDO A PAREDE

BUEIRO ENTUPIDO