Friday, August 15

VAGAS PARA ENGENHEIRO NA BARBEARIA

Estava vindo do porto velho. Carregava em meus ombros uma cobra enrolada como se fosse mangueira de jardim. Alguém vinha atrás de mim. Quando atravessava a pontinha que liga o Porto Velho à Esplanada, este alguém que vinha atrás de mim disse que ali era perigoso e que aconteciam muitos assaltos. Eu então corri e passei pela pontinha. Quando estava aproximando da rua da casa da minha mãe, vi que na rua corria uma grande enxurrada, que tomava toda a rua e descia numa velocidade muito alta. Eu percebi que tinha acabado de chover ali. Alguém ia passando do outro lado da travessa que eu estava. Eu perguntei se a água estava baixando. Ele disse que era o que eu via. Eu olhei, e disse a quem me seguia que estava baixando a água. E que era importante que eu levasse aquela cobra o mais rápido possível. Cheguei num local, que parecia um salão de barbearia. Havia uma fila ali dentro, que dava num caixa eletrônico. Do lado de fora havia outra fila que levava ao estabelecimento, que era para busca de emprego, ao lado desta suposta barbearia. Como as duas filas se juntaram lá fora, as pessoas estavam indo para a fila errada. Nisto alguém escreveu numa plaquinha na barbearia: “cadê a vaga para engenheiro?” Eu estava sentado num banco dentro desta barbearia, usava apenas uma cueca boxer. Então eu disse para as pessoas da fila, que estavam na fila errada e que emprego era na outra. Numa praça, com fone e microfone, tipo telefonista. Eu falava com minha mãe e meu pai. (meu pai já faleceu há cinco anos). Depois sai andando por uma rua que não tinha casa em nenhum dos lados, e estava quase toda coberta por matos. Alguém vinha atrás de mim. Fui andando e conversando. Depois de andar um pouco, eu lembrei que o roteador não dava para pegar sinal muito longe. Nisto a ligação caiu. Para a pessoa que vinha atrás de mim, não perceber que o sinal tinha caído e pensar que tinham desligado na minha cara. Finge que ainda estava falando e disse thyal.

No comments:

Post a Comment

VIVER EH A MAIOR DE TODAS AS AVENTURAS