Thursday, August 14

OS MINI TRENS


Estava numa rua que seria do porto velho de baixo. Eu queria ir para o esplanada. Nisto cheguei numa esquina onde tinha uma rua em diagonal. Eu lembrei que conhecia aquela rua e segui por ela. Nisto vi uma casa e lembrei que ali morava o Orlando. Então conclui que estava no rumo certo. Quando passei pela casa, me vi num barranco, com mais umas dez pessoas. A gente tentava passar por este barranco que tinha vários buracos. Nisto ficamos entre trilhos de ferrovia, que passavam nos dois lados que a gente estava, e atrás de nós. Todos bem perto. Nisto veio os trem passando muito rapidamente. Os trens eram do tamanho de carros. Não sei de onde vinham, eles apareciam somente quando estavam bem perto de nós. A gente tinha que ficar desviando deles para não ser atropelados. Depois conseguimos andar mais um pouco e nos vimos entre várias enxurradas, pois tinha acabado de chover. Eu tentava pular as enxurradas, mas não conseguia. Até que eu pulei num barranco e soltei sobre outro barranco em forma de muro.

No comments:

Post a Comment

VIVER EH A MAIOR DE TODAS AS AVENTURAS