Sunday, May 6

CORRENDO COM OS CACHORROS

ESTAVA INDO POR UMA RUA. NÃO VIA CARRO OU PESSOAS. IA ANDANDO DE CABEÇA BAIXA. FAZIA FRIO E HAVIA NEBLINA. ESTAVA SEM BLUSA E SENTINDO MUITO FRIO. NISTO VI NA ESQUINA NA QUAL EU IA EM DIREÇÃO, VÁRIOS CACHORROS PARADOS. HAVIA NO MÍNIMO UNS QUINZE CACHORROS. ELES ESTAVAM ME OLHANDO. QUANDO FUI ME APROXIMANDO DELES, JÁ A UNS 10 METROS. TODOS ELES DISPARARAM EM MINHA DIREÇÃO. AO VER ISTO, DEI MEIA VOLTA E SAI CORRENDO. ELES CORRIAM MUITO E EU TAMBÉM. MAS FUI FICANDO CANSADO E DIMINUINDO A VELOCIDADE EM QUE EU IA. MAS OS CACHORROS TAMBÉM DIMINUÍAM A VELOCIDADE. JÁ NÃO CONSEGUINDO MAIS CORRER, PAREI, COLOCANDO AS MÃOS NO JOELHO COM A RESPIRAÇÃO OFEGANTE. OS CACHORROS TAMBÉM PARARAM, BAIXANDO AS CABEÇAS E COLOCANDO A LÍNGUA PARA FORA, TAMBÉM COM A RESPIRAÇÃO OFEGANTE. DEPOIS QUE DESCASEI UM POUCO, APROVEITANDO QUE OS CACHORROS ESTAVAM DESCUIDADOS, SAI CORRENDO NOVAMENTE. MAS OS CACHORROS TAMBÉM VIERAM CORRENDO ATRÁS DE MIM. JÁ NÃO CONSEGUI MAIS CORRER E PAREI. ENTÃO DISSE PARA OS CACHORROS QUE NÃO IA CORRER MAIS. OS CACHORROS ENTÃO FORAM EMBORA DE VOLTA DE ONDE VIERAM. FIQUEI OLHANDO ELES IREM EMBORA E ME PERGUNTANDO POR QUE ESTAVA CORRENDO ATRÁS DE MIM. IMAGINEI QUE ELES QUERIAM SÓ BRINCAR.

No comments:

Post a Comment

VIVER EH A MAIOR DE TODAS AS AVENTURAS