Saturday, March 22

LIBERDADE, AINDA QUE POR INSTANTES

Estava viajando com o Gueds. A gente estava indo trabalhar numa cidade que ficava muito longe. Depois decidimos ir para uma praia. Eu coloquei a cabeça para fora da janela do carro e fui gritando “liberdade” várias vezes. A estrada onde a gente estava não passava nenhum carro. O Gueds corria muito. Gritei novamente "Liberdade". Quando chegamos no que seria a praia, era na verdade a filial da empresa onde a gente trabalhava. Então eu disse que a liberdade tinha durado pouco.

No comments:

Post a Comment

VIVER EH A MAIOR DE TODAS AS AVENTURAS