Sunday, August 15

AMARRADO PELO PÉ


Estava em um galpão. Ele era mal iluminado, deixando tudo meio escuro. Havia um andaime que deveria ter uns 10 metros de altura, sendo seu piso lá em cima de uns 2 metros de largura por um de comprimento. Estava em cima deste andaime. Eu puxava uma corda, que deveria trazer até m cima deste andaime, um saco de 30 quilos de fertilizante. Uma pessoa que estava comigo, descia lá em baixo, amarava o saco de fertilizante. Eu começava a puxá-lo, apenas com uma mão, sendo que com a outra, eu segurava no corrimão do andaime. A tal pessoa que amarrava o saco de fertilizante, subia muito rapidamente e chegava no momento em que eu não conseguia mais segurar aquele peso. Ele me ajudava a puxar e depois a gente jogava o saco para trás. Caia num monte de sacos que havia ali. Nisto subiu neste andaime, o dono daquela firma. Ele me disse que não precisava temer nada, pois tinha uma corda amarrada ao pé, e que assim, se eu caísse, ficaria pendurado e nada me aconteceria. Olhei e vi uma corda amarrada ao meu pé. Esta corda ia para fora do galpão. Não consegui ver onde ela estava amarrada do outro lado. Mas imaginei que eles sabiam o que estavam fazendo e não deixariam eu me machucar.

No comments:

Post a Comment

VIVER EH A MAIOR DE TODAS AS AVENTURAS