Tuesday, January 10

LOCOMOTIVAS


Estava indo para minha casa. Era noite. Descia a Avenida Antonio Olimpio de morais, correndo e com algumas bolas de papel nas mãos e uma peça de um maquinário. Descia em direção ao Bairro esplanada. A medida que ia correndo, ia jogando as bolas de papel no chão. Quando cheguei à travessia da linha, havia várias locomotivas paradas ali, só que no sentido contrário ao que são as linhas realmente. Não era possível passar. Fiquei pensando que os carros não conseguiriam entrar ou sair do bairro. Fui tentar passar, mas não encontrava lugar para isto. Então vi que seu eu passasse por debaixo da escada de acesso a cabine da locomotiva, eu conseguiria sai do outro lado. Ia tentando, mas desisti. Nisto a locomotiva saiu rapidamente. Fiquei pensando que aquilo era impossível, uma locomotiva não conseguiria sair tão rapidamente assim. E se eu estivesse passando por debaixo da escada, teria me dado mal. Continuei andando, quando vi que nas mãos não tinha a peça de maquinário e sim um alicate universal. Continuei andando quando vi várias pessoas. Elas se aproximaram de mim e tentaram tirar o alicate que estava comigo. Tentei impedir, mas não consegui. Elas levaram o alicate.

No comments:

Post a Comment

VIVER EH A MAIOR DE TODAS AS AVENTURAS